Reciclagem de Divisórias

Reciclagem de Divisórias

Os lixos mais complexos consideram-se os eletrônicos, pilhas, baterias, lâmpadas, pneus que precisam ter um descarte correto e não há como cada indivíduo recicla-lo. Então a solução é procurar em sua cidade o local onde é recolhido esse material e certificar-se de qual o destino dado a ele.

O lixo doméstico, comercial e urbano é composto basicamente por papel, plástico, metal, vidro, entulhos e materiais orgânicos. Esse lixo deve ser separado individualmente para que ele possa ser reciclado, se na sua cidade não há a coleta seletiva procure mesmo assim separar os lixos e dar um fim correto para cada um deles.

A CG DIVISÓRIAS conscientiza seus colaboradores e visitantes da importância de reciclar.

Porque é importante reciclar?

Por cada tonelada de papel reciclado evita-se o abate de 20 árvores, economiza-se 71% de energia eléctrica, 90% de água e 74% de poluição do ar.

O plástico  e o metal demoram entre 200 e 500 anos a decompor-se, por isso é tão importante reciclá-los. Já para não falar na poupança de petróleo, no caso do plástico.

Por cada tonelada de vidro reciclado economiza-se cerca de 1300 kg de areia e diminui-se a poluição atmosférica e hídrica.

Ao reciclar pilhas estamos a recuperar compostos químicos que podem voltar a ser utilizados no fabrico de novos materiais. Já para não falar no que estes materiais provocam (ex.: cancro) quando são deitados fora.

Os resíduos industriais devem receber  maior atenção, a empresa ou pessoa que gera esse resíduo é responsável pelo seu destino e deve acompanha-lo até o final. Dentro da fábrica não é gerado nenhum resíduo nocivo para o meio ambiente, são apenas restos de materiais como tubo de cola, lixas, latas de tintas e outros esses são separados e deve-se o acompanhamento até seu destino final.Os resíduos e restos de madeira são todos reaproveitados na fabricação de MDF.

As portas de madeira usadas podem ser transformadas em infinitas coisas desde que se haja criatividade. Vejamos alguns exemplos:

– Pode transformar-se em baú, gaveta, estante, porta-treco, caixas de madeira, porta-retratos, banquetas,

– Reutilização para produzir composto orgânico, lascas de madeira e serragens são materiais ricos em carbono, formando uma mistura de material orgânico decomposto transformando-o em fertilizante rico e natural para a terra.

– Se a madeira for recolhida limpa, ela pode ser usada como fonte de energia junto da aglomeração de outros resíduos da biomassa. Existem alguns projetos que fazem essa aglomeração para iniciar um processo de cogeração de energia.

– Outra opção é destinar a madeira para ser triturada e transformada em MDF, mas como há poucas empresas no Brasil que fazem esse trabalho fica mais difícil de acertar seu destino.

Essas são pequenas ações de separação de lixo e reciclagem de madeira que ajudarão a diminuir a poluição e promovem a sustentabilidade do Planeta.